━━ 37.

7.1K 1K 1.8K
                                    

𝗡𝗔𝗥𝗥𝗔𝗗𝗢𝗥.

O dia na residência Jackson ocorreu calmo demais. Os pais de Avery levaram-na com Rafe para almoçar num restaurante perto da praia, com temática marinha e alguns desenhos divertidos de camarões e peixes espalhados pelas paredes. Após devorarem uma porção toda de um prato com frutos do mar, os quatro caminharam pela praia e Avery e Rafe precisaram se esforçar ao máximo para manterem as aparências de amigos. Não seria legal que eles tivessem algum contato íntimo demais na frente dos pais da garota logo no segundo dia. Mesmo sabendo que Rafe havia se dado bem com Dakota e Mason e ficando feliz por isso, Avery ainda não está pronta pra brincar de casinha mais uma vez. Ter a sensação do medo da decepção apertando seu peito é terrível. Ela odeia as inseguranças que, muita das vezes, a impedem sempre de dar o primeiro passo.

À noite, Dakota decidiu que levaria os dois para o parque de diversões central. Mason não gostou muito da ideia, porque queria levar Rafe até um jogo de hóquei de um outro time que aconteceria perto de sua casa naquela noite. O casal bateu boca durante longos minutos sobre onde iriam levar o garoto, e então, Rafe lançou seu típico sorrisinho vitorioso na direção de uma Av irritada. Seus pais estavam discutindo pra ver quem passaria mais tempo com o Cameron. Certo. Já virou palhaçada.

Avery foi obrigada a escutar durante todo o caminho pro parque de diversões os comentários egocêntricos de Rafe sobre Dakota e Mason estarem brigando por ele. "Tem Rafe pra todo mundo" ele brinca. A menina sente vontade de joga-lo pra fora do carro. Se arrepende instantaneamente de não ter expulsado-o daquele ônibus na noite passada.

Rafe fez questão de pagar a entrada de todo mundo e não é preciso citar como os olhos dos Jackson brilharam maravilhados com o menino. Se estivessem num desenho animado, com toda a certeza estaria saindo fumaça dos ouvidos de Avery. Ela está fervendo de ciúmes. É nítido que ele está querendo se amostrar para conquistar mais ainda seus pais. Maldito sorriso galanteador. Maldito charme do capitão de hóquei.

⏤ Então, crianças, podem ficar a vontade pelos brinquedos. Mason e eu daremos uma volta pelo parque enquanto isso, tudo bem? ⏤ Avery concordou. ⏤ Nos liguem qualquer coisa.

⏤ Pode deixar, Sra. Dakota. Vou cuidar bem dela. ⏤ Rafe passou o braço pelo pescoço de Avery e abriu um sorriso empolgado no rosto.

De novo, os olhos de seus pais brilham, e dessa vez, Avery solta um gemido de frustração logo quando eles se afastam.

⏤ Eu odeio você mais do que tudo na minha vida. ⏤ ela tombou a cabeça pra trás.

Rafe mordeu os lábios inferiores em meio à um sorriso e olhou pro seu rosto, lhe dando um selinho rápido demais pra que ela conseguisse reagir.

⏤ Nem você acredita nisso ⏤ ele estendeu a mão. ⏤ Vamos?

Avery cerrou os olhos.

⏤ Pode guardando essa mão dentro do moletom, Rafe. Tira seu cavalinho da chuva. ⏤ o garoto alto bufou.

⏤ Nós podemos simplesmente fingir que somos um casal para ganharmos brinquedos de graça, ou você pode continuar sendo chata e reclamona? ⏤ Avery faz uma careta.

⏤ Brinquedos de graça? Da onde você tirou isso? ⏤ ela cruza os braços.

Rafe balança os ombros, indiferente.

⏤ Já fiz isso com outras meninas antes. Sempre deu certo.

Imediatamente, Avery fecha a cara e sai andando. Rafe anda atrás dela rindo e bem humorado.

⏤ Credo, princesa, eu tô brincando ⏤ agarrou-a pela cintura. ⏤ Não consegue nem mais disfarçar o seu ciúme?

Avery sorriu sarcástica e deu um peteleco na testa de Rafe, provocando no mesmo uma careta que ela até diria que era fofa, se ele não estivesse a irritando feito o inferno. Fez um beicinho e tombou o rosto pro lado com os olhos de menino pidão. Estupidamente adorável.

𝐓𝐎𝐗𝐈𝐂, 𝗰𝗮𝗺𝗲𝗿𝗼𝗻. ✓Onde as histórias ganham vida. Descobre agora