Thirteen

28.4K 3.3K 1.6K
                                    

Jungkook

Meu príncipe tinha dormido enquanto recebia meus carinhos e eu peguei meu celular para ver as câmeras, não que eu não acreditasse nele, mas isso foi grave e se foi armado de algum jeito eu tenho que resolver

Entrei no sistema e comecei a assistir desde o momento que eu saí de casa, Jimin apareceu andando pelo corredor mas logo saiu correndo e foi quando ele se desequilibrou e caiu, tinha tanto sangue meu Deus, meu garoto foi muito forte

Não estava com áudio mas eu voltei e coloquei, ele andava calmamente olhando para os lados até o barulho de porta soar no andar de baixo. "Kookie" ele gritou e saiu correndo, foi quando tudo aconteceu

-Fiquei com tanto medo de perder você meu carrapatinho -Falei enquanto olhava pra ele e uma lágrima descia, ver isso foi muito doloroso. Eu não quis assistir o resto da filmagem, eu ia acabar chorando mais se visse ele nos braços de Taehyung sem reagir, pálido e frágil

Fiquei o tempo todo velando seu sono, de vez enquando ele soltava uns resmungos por encostar na cicatriz, teve uma hora que ele começou a ficar inquieto e eu fiquei com medo de ser um pesadelo, ele ia levantar assustado e chorando e ia afetar a situação dele, mas ele só jogou a mãozinha pro lado enquanto tocava meu peito e ficou calmo

Ele dormiu por horas, está tomando remédios fortes por isso ele dorme tanto, quando ele acordou ficou olhando pro teto por um tempo e depois apalpou meu peito virando a cabeça devagar para me olhar

-Coelhinho

-Oi meu amor -Dei um selinho nele -Dormiu bem? -Ele assentiu ainda sonolento -Quer alguma coisa? Comer? Banhar? Fazer xixi?

-Fazer xixi -Assenti me levantando e já indo pega-lo, levei ele até o banheiro e coloquei ele em pé na minha frente enquanto sustentava o corpinho dele, não demorou muito para que eu escutasse o barulho molhado -Pronto Kookie, agora tenho que levar as mãos e escovar os dentes

Fui andando com ele até a pia, meu bebê dava pequenos passinhos, ele ficou quase seis dias sem andar, as articulações demoram um pouquinho pra voltar a trabalhar direito, ele lavou as mãozinhas fofas e pediu para que eu escovasse seus dentes

-Abre -Ele abriu e eu comecei a escovar devagar para não fazer pressão na cabeça -Agora meu amor, você vai ter que cuspir na minha mão, não vai dar pra você abaixar a cabecinha -Ele assentiu quando eu coloquei a mão de um jeito que ele conseguisse cuspir, ele cuspiu depois lavei e voltei a escovar direitinho

Enxaguei a boquinha dele e depois de pronto eu lhe deu um selar

-Mais alguma coisa amor?

-Você pode é -Fez uma pausa desviando o olhar -Me dar banho?

-Claro carrapatinho -Tirei a roupinha dele enquanto a banheira enchia e coloquei ele lá, o banho foi rápido, a posição é ruim de se ficar logo já estava tirando ele, esse que ergueu os braços me pedindo colo

Peguei e levei até a cama deixando ele deitado, eu comprei um travesseiro mais macio pra ele poder dormir e coloquei pra ele agora, sequei o corpinho miúdo e agora mais magro que o normal, dava até pra ver perfeitamente alguns ossos voltando a aparecer

Mas agora que ele já voltou pra casa vou cuidar dele direitinho para que volte a ficar saudável, vesti uma roupa quentinha nele e coloquei ele sentado enquanto ia pegar uma meia pra colocar nele, o dia hoje está frio e a saúde dele está frágil

-Prontinho meu amor -Ele sorriu pra mim -Agora vamos ver o que você pode comer uh? Está com fome?

-Não estava mas você falou e agora eu estou com muita -Sorri pra ele lhe pegando no colo, desci o lance de escadas o mais devagar possível e fui até a cozinha, Jin preparava alguma coisa no fogão

Protegido do MafiosoOnde as histórias ganham vida. Descobre agora