Cap 67

5K 744 273
                                    

Any pov's

Um, dois, três, quatros. Perdi a conta de quantos socos Alexa desferiu em mim, em diferentes partes do meu corpo. Sentia o gosto de sangue na boca, sentia meu corpo mole, estava perdendo as forças.

Conseguia ouvir as risadas de Alexa, aquilo era prazeroso pra ela.

Alexa: Pena que seus amiguinhos e seu namorado não estão aqui pra ver o estado deplorável em que você está

Any:  Porque, Alexa? – falei quase em um surruso – Você sabe que o Josh nunca mais vai voltar com você, porque fazer tudo isso?

O sorriso dela some, sua cara Fica fria, distante

Alexa: Você nunca vai entender, Gabrielly. Você tem tudo, amigos que te apoiam, uma melhor amiga que sempre tá lá pra você. Um namorado que te ama, uma filha linda, um bom Trabalho

Any: Eu entendo, Alexa, eu entendo perfeitamente. Eu também perdi alguém especial pra mim, perdi várias pessoas.

Alexa:  Como... ?

Any: Você perdeu alguém especial também, eu posso ver isso

Alexa: Você não sabe nada sobre mim, e é melhor calar sua boca, se não quiser ser espancada até a morte – ela limpa as lágrimas que estavam ameaçadas a caírem

Any: Me espancar, me bater, me torturar, me fazer sofrer, isso preenche o vazio deixado por sua irmã Sarah? Isso ameniza a sua dor?

Sinto o lado direito do meu rosto arder, ela havia me batido

Alexa: Nunca mais. Nunca mais ouse tocar no nome da minha irmã novamente.

Any: Sabe, Alexa, eu perdi alguém mais que Especial pra mim. Ela era minha luz, era minha estrela, era minha protetora, eu era mais que apegada a ela, ela era meu tudo. Todas as vezes que eu sentia medo, ela estava lá, todas as vezes que eu caí, ela me ajudou a levantar. Ela me ensinou tantas coisas, mas ela já não está Mais aqui comigo, já faz algum tempo. E tem noites que eu choro igual uma criança sentindo a falta dela, tem noites que tudo que eu queria era ela do ali do meu lado, limpando minhas lágrimas e dizendo que vai ficar tudo bem. Talvez eu nunca tenha superado a morte dela, mesmo que já tenham se passado anos. Eu sinto a falta dela todos os dias – percebi que estava chorando, quando os machucados do meu rosto arderam

Alexa não esboçava nenhuma reação, nem falava nada. Estava neutra, tentando não desmoronar

Any: Quando eu acordei nesse quarto escuro e sem minha filha, eu senti medo, muito medo. Desejei que minha avó estivesse aqui comigo dizendo que vai ficar tudo bem, mas ela não tava, não fisicamente. Desde o dia que ela morreu, eu venho procurando mil formas de preencher o vazio que ela deixou. Mas não tem como, ele nunca vai ser preenchido, por ninguém. E vai ser assim com você também, você vai procurar várias formas, várias pessoas que possa preencher o vazio deixado por sua irmã, mas ele nunca vai ser preenchido. – Respiro fundo – Eu mantenho comigo as boas memórias que tive com minha avó, e isso me ajuda, talvez possa te ajudar também

Alexa: A Sarah era meu tudo, e quando ela morreu, meu mundo caiu e eu me tornei... Essa pessoa. Quando conheci o Josh, achei que ele seria a pessoa que preencheria o vazio deixado por minha irmã. Por isso eu fiz tudo aquilo, eu achava que o amava, até agora. Talvez nada realmente preencha o vazio que a Sarah deixou, mas eu sei de algo. Se pode Josh não vai ficar comigo, com você ele também não vai ficar. E chega de tentar me convencer com esses discursos tristes.

Escuto o barulho de porta sendo arrombada e sorrio

AnyNão estava tentando te Convencer, estava ganhando tempo.

Autora
Como vocês estão?
Gostaram do cap?
Eu vou ficar sempre atualizando vocês sobre essa fic e as próximas no meu quadro de avisos, então se ainda não me seguem, sigam.
Amo vocês❤
Cap não revisado
Votem e comentem

o Ginecologista- BeauanyOnde as histórias ganham vida. Descobre agora