Ricardinho - Grêmio

1K 34 1
                                    

Povs Danielle

Estava eu sentada em um banco do parque Germânia olhando pro nada,isso não é muito eu estar em uma sexta feira sentada em um banco triste,estava assim pq minha única irmã iria para São Paulo trabalhar,ela iria ficar por mais ou menos 3 meses fora,não queria que ela fosse,ela é praticamente minha metade cara.
Percebo alguém vir até mim por trás

-Oi- Quando viro é o Ricardinho jogador do Grêmio

-Oi ricardinho tudo bem?- falo e ele se senta do meu lado

-Comigo tudo mas acho que alguém aqui não tá tão bem- ele fala me olhando

- realmente não tô muito bem,minha irmã tá indo pra São Paulo trabalhar e vou sentir saudades tlgd- falo meio tristinha e ele me abraça de lado

- ah mas pra que ficar assim se vc tem eu de companhia - ele fala eu nos rimos

- mas é diferente Ricardo, ele é minha irmã tá sempre comigo,sabe o que eu sinto ela é a minha caixinha de segredos - falo olhando pra baixo

- ela vai ficar por muito tempo? - ele pergunta continuando me abraçando

- Por 3 meses - falo

- ah mas só isso,enquanto isso tem eu aqui,tri bonito e legal - ele fala e nos gargalhando

- só tu mesmo Ricardo- falo sorrindo pra ele

- assim tá bem melhor, com esse sorriso lindinho - ele fala sorrindo pra mim e put4 que pariu que sorriso mais maravilhoso

Eu e ricardinho já ficamos uma vez mas não rolou nada a mais

- como vai a faculdade? - ele me pergunta para mudar de assunto

- bem,eles deram 4 dias de folga graças a deus- falo e rimos

- nossa que bom,hoje tem churrasco na minha casa com meus tios quer ir? - calma Ricardinho me chamando pra churrasco de família do nada?

- aceito sim não tenho nada pra fazer mesmo - digo

- tá bom te pego as 19:00 pode ser- ele fala se levantando e eu tbm

- claro- para nos despedir ele né dá um beijo no canto da boca,não brinca comigo que eu me rendo,e fomos embora

Cheguei em casa e mandei mensagem pra minha melhor amiga contando tudo que aconteceu e chamei ela aqui em casa para me ajudar a me arrumar

- Danielle tá toda atacante - ela fala animada

- Atacante é ele que do nada me chama pra janta de família - falo escolhendo uma roupa,coloquei um vestido colado preto e tênis e uma bolsa branca

Era 18:58 e estava esperando na sala,minha amiga já tinha ido embora,sinto meu celular vibrar e era o Ricardinho falando que já tinha chegado desci abri o portão e fui até o carro dele que estava pro lado de fora do carro

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

Era 18:58 e estava esperando na sala,minha amiga já tinha ido embora,sinto meu celular vibrar e era o Ricardinho falando que já tinha chegado desci abri o portão e fui até o carro dele que estava pro lado de fora do carro

- oiê - falo chegando perto dele

-oi,tá linda hein guria - ele fala me olhando com sorriso

- tu também ta lindo guri - falo e rimos - desde quando fala gauchesco assim?

- é que todo mundo fala no CT e tô começando a falar assim também mas gosto do meu paulistano - ele fala

- vamos?- falo e ele assenti, entro no carro e ele também

Seguimos em silêncio mas um silêncio confortável e com música,chegamos na casa dele e deu para perceber que estava meio cheio,com música e carros na rua

- não se assusta tá bom - ele fala brincando- vamo?

- tá bom haha,bora

Saímos do carro e entramos na casa dele,ele me deu a mão me guiando e comprimentando todos

- mãe essa é a Dani - ele me apresenta pra ela

- oii então vc é a famosa Dani muito prazer - ela fala super feliz

- famosa eu não sei,mas sou a Dani sim o prazer é meu- falo

Fiquei conversando com alguns jogadores do Grêmio que estavam lá e com a prima do Ricardinho,em alguns momentos eu e ele trocamos olhares ,não tava entendendo nada mas o clima tava tão bom e divertido

Jantamos e tava tudo tão bom, já era 22:00 mas já estava um pouco tarde

- Dani já quer que eu te leve? - Ricardinho me pergunta

- já sim,tá tarde já - falo olhando meu celular

- tá bom só vou pegar as chaves do carro - fala e sai e vou com dando tchau para todos

- tchau dona Vera Lucia - falo dando tchau para a mãe do Ricardinho

- tchau Dani quero que venha mais vezes aqui meu filho gosta bastante de vc- ela fala com um sorriso e me abraça

- vou vir sim - falo retribuindo o abraço e sinto o Ricardinho me puxar até o carro

- não liga para minha mãe não - ele fala entrando no carro e eu tbm

Fomos cantando baixinho as músicas que ele colocou do celular dele,chegamos no meu prédio...

- está entregue,espero que tenha gostado - ele fala se virando pra mim com um sorriso,o sorriso que eu sempre fico rendida

- eu adorei a sua família,me convida pra próxima- falo sorrindo

- com a tua companhia é sempre muito melhor- ele fala se aproximando de mim e colocando a mão no meu rosto enquanto no rádio estava tocando " antídoto" do Matheus e Kauan

Fomos nos aproximando cada vez mais,até nossos lábios se encontrarem,nossas línguas estavam sincronizadas,foi um beijo tão bom que só paramos por conta da falta de ar

Nós despedimos e ele me deu um selinho no final

- até a próxima Dani- ele fala

- até Ricardinho- falo e entro no meu condomínio

Imagine Jogadores⚽pedidos fechadosOnde as histórias ganham vida. Descobre agora