T w e n t y S i x

24.6K 2.7K 1.9K
                                    

SIENNA DEVORA, point of view.

O resto da noite anterior foi só ladeira abaixo

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

O resto da noite anterior foi só ladeira abaixo. Ashley não parou de me encarar e sorrir maliciosa para mim, querendo a todo custo que subisse para o quarto junto com ela. Já Vinnie não desgrudou durante toda a madrugada, e para piorar, acabou bebendo um pouco de mais. Nada exagerado mas o suficiente para encher minha paciência e me estressar.

Já se passava das três da manhã e o loiro inventou de querer pular no lago, dizendo que queria se divertir, e brigando comigo, me chamando de careta por não deixar ele entrar.

Graças a Troy consegui segurar Vinnie, e com muito custo convenci ele a entrar na hidromassagem, ao invés de pular no lago. Ele ainda só aceitou porquê eu prometi que entraria com ele.

Ficamos durante um bom tempo na hidromassagem se beijando e trocando provocações. Vinnie segurava em minha cintura me incentivando a rebolar em seu colo, enquanto ele fazia a festa em meu pescoço e no decote de minha lingerie.

Quando já estava amanhecendo, entramos para dentro e todos da casa já estavam dormindo. Exceto por Nailea que estava ajudando Hub, qual não parava de vomitar por ter bebido de barriga vazia.

Na porta de meu quarto, Vinnie me segurou quase chorando dizendo que queria dormir comigo. Como eu estava cansada de mais para tentar convencer o garoto do contrário, apenas aceitei e fui para o quarto com ele. Onde deitamos e dormimos igual pedra até agora meio dia.

Me espreguiço na cama ao lado de Vinnie e quando vou me levantar sinto o garoto me puxar, fazendo meu corpo cair por cima do seu.

- Bom dia, gatinha. - Fala com a voz rouca e beija minha bochecha.

- Bom dia, bebinho.  - Respondo e Vinnie ri, passando a mão por seus cachos bagunçados.

- Eu não estava bêbado, só estava animado. - Dá uma desculpa esfarrapada, me fazendo rir e negar com a cabeça.

- Urhum, sei. - Digo. - Preciso ir pro meu quarto.

- Não precisa não. - Vinnie, diz me fazendo revirar os olhos. - Você vai ter um trabalhão para esconder essas marcas ai do seu pescoço. - Diz, me fazendo prensar os lábios em um linha reta.

Corro até o banheiro do quarto e jogo meus cabelos para trás, arregalando os olhos ao ver a quantidade de marcas que Vinnie deixou em meu pescoço.

- Meu Deus, como vou esconder isso? Nem maquiagem tem aqui! - Digo preocupada e Vinnie entra rindo no cômodo, me abraçando por trás.

DIARY | vinnie hacker Onde as histórias ganham vida. Descobre agora