T w e n t y T h r e e

27.4K 2.8K 3.1K
                                    

SIENNA DEVORA, point of view.

- Tudo pronto, agora é só chamar o resto do pessoal

Ops! Esta imagem não segue as nossas directrizes de conteúdo. Para continuares a publicar, por favor, remova-a ou carrega uma imagem diferente.

- Tudo pronto, agora é só chamar o resto do pessoal. - Nailea, diz sorrindo grande e se senta de volta à mesa.

- Como você conseguiu convencer ele a limpar tudo aquilo até amanhã? - Pergunto.

- Não tem nada que dinheiro não resolva, Sie. - Responde terminando de tomar o vinho que estava em sua taça.

- Bom, sendo assim então vou mandar mensagem no nosso grupo. Vai ser um final de semana irado. - Vinnie, diz sorrindo e Kio concorda.

- Você vai ir né, Sie? - Reggie, me pergunta.

- Você vai? - Pergunto de volta.

- Se você for, sim. - Responde.

- Então eu vou. - Digo e Reggie sorri para mim.

Terminamos de comer e retiramos a mesa. Orgazinamos tudo e deitamos todos na sala para ver um filme.

Me ajeito mais ao lado de Reggie, e rio baixo vendo o garoto dormir com a boca entre aberta. E olha que não faz nem quarenta minutos que o filme esta rodando.

Durante o filme eu sentia o olhar de Vinnie queimar sobre mim, e em determinado momento acabei olhando de volta. Consequentemente fizemos contato visual, mas logo foi quebrado por mim. Já quase no fim do filme, Nailea precisou ir embora e restou apenas Kio e eu.

- Esse filme é uma porcaria. - Kio, fala se levantando, quando os créditos finais começam a subir na tela.

- Você que não soube apreciar o filme. - Me levanto também.

- Blá blá blá. - Fala revirando os olhos e rio. - Enfim, animada para amanhã?

- Mais ou menos, ainda nem sei quem vai. - Digo caminhando ao lado de Kio até a varanda.

Vinnie subiu as escadas a uns dez minutos atrás e até agora não voltou.

- Relaxa, provavelmente vai só o pessoal do grupo que anda com Vinnie, eles são de boa. Você sabe. - Responde e olha as horas no relógio. - Porra, já vai dar meia noite.

- O que?! - Respondo, assustada por as horas passarem tão rápido. - Melhor eu ir pra casa, minha mãe não quer que eu durma fora hoje.

- Você quer carona? - Kio, oferece colocando suas mãos no bolso de sua calça social preta.

- Não precisa Kio, pode deixar que eu mesmo levo a Sie - Ouço a voz de Vinnie e o garoto para ao meu lado.

DIARY | vinnie hacker Onde as histórias ganham vida. Descobre agora