Chapter 37: Até ano que vem

6.4K 232 5

[Rafaela]

Depois do café, eu disse que ia mergulhar na cachoeira e Harry insistiu pra ir comigo. Eu hesitei, fiquei com um pouco de receio, mas agora Harry é meu namorado e eu tenho que querer a companhia dele, certo? Certo. Fui ao chalé, coloquei o biquíni e um short por cima e depois nos encontramos no salão principal para irmos juntos até o dito lugar. Fomos caminhando de mãos dadas e em silêncio, mas as vezes trocávamos olhares. Eu sentia que Harry me amava, e eu o amava também. Chegamos lá e eu não disse nada, tirei logo meu short e mergulhei na água gelada. Fiquei por debaixo da água até o oxigênio me faltar. Passei os olhos pela borda da cachoeira, e nem sinal de Harry. Estranho. Cade ele? Me virei procurando por ele nada água, nada. Comecei a me desesperar, onde esse louco se enfiou? Senti alguém me abraçar por trás, colando nossos corpos.

– O que você tem Rafa? - Harry sussurrou em meu ouvido, me fazendo arrepiar todinha. - Você tá quieta, tá tensa… - Continuou no mesmo tom de voz, e quando terminou de falar, mordeu de leve o glóbulo da minha orelha, me arrepiando mais ainda. Senti que ele sorriu por perceber.

– Não é nada… - Eu disse baixinho, fechando os olhos e suspirando pelos beijos que ele agora despejava em meu pescoço pra me provocar.

– Vem, vamos lá atrás. - Ele disse se referindo a caverna atrás da queda d'água. Meu corpo estremeceu, não queria que aquilo se repetisse de novo, mas eu tinha que confiar no Harry, agora ele é meu namorado. Ele mergulhou e eu fiz o mesmo, então passamos por de baixo da queda d’água e chegamos na pequena caverna. Meu coração estava a mil, eu estava temendo o pior - Hey, chega mais perto, eu não mordo. - Ele disse percebendo que eu havia me sentado um pouco longe dele. Um pouco não, era uma boa distancia. Forcei um sorriso e me arrastei de má vontade pra perto dele. “Que isso Rafaela, tá com medo do seu próprio namorado?” pensei comigo mesma e percebi o quanto eu estava traumatizada pelo o que aconteceu com Lucas - Rafa, me explica... - Ele disse, mas eu não entendi.

– O que? - Fitei o chão, não queria nem olhar em seus olhos.

– Esse seu comportamento estranho. Olha pra mim! - Ele disse e eu engoli em seco. Levantei meu rosto de vagar e olhei em seus lindos olhos, me perdendo profundamente neles. Ele segurou meu rosto com uma mão e foi se aproximando de mim. Ele ia me beijar. E se ele se empolgasse de mais com um beijo, como da outra vez? Eu estava insegura. - Eu te amo... - Sussurrou fazendo seus lábios roçarem nos meus.

– E-eu também te amo! - Disse apressada forçando um sorriso e dei um selinho nele me distanciando rapidamente e voltando fitar o chão. Ele juntou as sombrancelhas não entendendo nada - Rafa... - Ele puxou meu rosto pra ele segurando em meu queixo e de novo me perdi em seus olhos - O que foi? - Perguntou fazendo cara de desentendido.

– Harry... Coisas ruins aconteceram comigo no passado. Já fui magoada e tenho medo que aconteça de novo. E aqui, nessa caverna, eu tenho medo de que aconteça de novo o que aconteceu antes da gente namorar. - Eu disse brincando com meus dedos e olhando fixamente para os mesmos.

– Rafa, eu vou cuidar de você e te fazer feliz. Eu prometo não fazer nada que você não queira. - Ele disse e eu dei um sorriso fraco. Olhei pra ele e silabei um "obrigada". Não pensei duas vezes, coloquei minha mão direita em seu rosto e me aproximei rapidamente dele colando nossos lábios num beijo apaixonado. Passamos a manhã brincando na cachoeira, depois voltamos pro chalé, tomamos banho, almoçamos e depois fomos arrumar nossas coisas.


[Larissa]

Hoje eu passei a manhã na piscina com Zayn, Gabi e Lou. Depois do almoço fomos pro chalé para arrumar as coisas porque partiremos para casa logo antes do jantar. Ainda bem, nunca gostei muito de vir pro acampamento, eu só venho mais pra passar o tempo com as meninas.

You Got To Change Everything ( One Direction )Leia esta história GRATUITAMENTE!