Chegamos ao tal café que tínhamos combinado e sentamo-nos numa mesa onde cabíamos todos.

“Tenho fome… que tal pedirem alguma coisa ? A minha barriga está a fazer barulhos !” o Niall protesta e logo desatamos a rir.

“Será que por uma vez, consegues não ter fome ?” Sabina pergunta mas Niall apressa-se a fazer uma cara de discordância.

Obvio que não.

“Prontos, vamos lá pedir alguma coisa” eu logo digo antes que o Niall desmaie aqui no meio por estar com fome .

Liam faz sinal ao empregado e este encaminha-se até nós.

“Quero um café quente e curto” falo enquanto olho para o menu “e é só isso” acabo o meu pedido colocando o meu olhar nele.

Os outros pediram o que queriam e, cerca de 5 minutos, o empregado, acompanhado por uma rapariguita, vem até à nossa mesa e coloca os pedidos sobre a mesa.

“Espero que gostem” ele sorri para nós “Bom apetite”

Murmuramos um “obrigada” e finalmente atacamos o nosso lanche.

****************************

O lanche correu bastante bem, excepto a parte em que nos expulsaram do café.

Sim. Fomos expulsos de um café.

Por incrível que pareça, esta gente hoje em dia não gosta de barulho. Não nos podemos rir, ou até mesmo falar um bocado mais alto. Qual é o problema deles ?

Nós só estávamos a conviver.

Ahhahahahahahahhahahahahhahaha

Não, agora a sério.

Aquilo parecia uma feira connosco lá dentro. Eles não se calavam, estavam a falar alto - a berrar praticamente – e então o empregado chega à nossa beira e expulsa-nos. Boi.

Agora, estamos numa espécie de parque a tentar pensar se vamos embora ou então chatear outro café.

“Eu acho que vou embora” a Trisha diz com uma ar cansado.

“Sim, eu também” a Sabina concorda “vou contigo .”

Acabamos por concordar que íamos embora e então despedimo-nos.

“Até amanhã.” eu digo enquanto nos afastamos todos por caminhos diferentes.

Todos me respondem uma “até amanhã”

Sigo o meu caminho para casa e, confesso não saber muito bem por onde estou a ir.
Já faz algum tempo que não ando por aqui.

Tento fazer um esforço para me lembrar e não ter o azar de me perder.

“Davina !” uma voz pouca familiar chama-me, mas não me dou ao trabalho de olhar para trás .

“Davina !” o meu braço é puxado e logo dou um salto com o susto que acabará de apanhar. “Não me ouvis-te a chamar-te ?”

Foda-se !

Que susto !

Esta gente quer-me matar de susto ?! Fogo !

Ainda confusa, finalmente olho para a figura alta e morena à minha frente e reconheço logo quem é. Zayn.

“Que susto! Tu queres matar-me? Quase que ia tendo uma ataque cardíaco! E depois como era? Hum? Se o voltas a fazer levas um soco! Estás a ouvir ?” dramatizo enquanto levo a minha mão ao peito tentando controlar a minha respiração.

Calma Davina, já passou.

“Desculpa-a, não queria a-assustar-te” Zayn fala atrapalhado enquanto coloca as suas mãos nos meus ombros na tentativa de me ajudar a acalmar.

“Pronto, pronto. Já estou bem” acalmo o rapaz moreno que parece a mais nervoso que eu.

“Vem, eu levo-te a casa.” ele fala tranquilo e começa a caminhar mas permaneço no meu lugar “Não vens ?” ele olha para trás e encara-me.

“Claro !” limito-me a ir para a beira dele.

“Óptimo”

Isso.

Que constrangedor, não podia ser pior. O ar ficou demasiado pesado de um momento para o outro.

Reparo nele num segundo e agora vejo bem o ser ar de emproado e maioritário.
Continuo a apreciar, e o seu olhar cai no meu mas apresso-me a desviar logo o olhar tentando disfarçar enquanto mexo no cabelo.

“Que se passa ?”

“Nada..” murmuro suficientemente alto para ele me ouvir.

Ele pega na minha cara com as suas mãos e olha-me nos olhos “podes dizer-me”

“Já disse que não é nada !” elevo um bocado a minha voz sem querer. Controla-te.

“Não berres….” ele coloca uma mão na minha boca para me calar.

Retiro a sua mão da minha boca “desculpa, mas eu disse que não era nada, e estavas seriamente a enervar-me !”

“Pronto, já não pergunto mais nenhuma vez…”

****************

Avisto finalmente a minha casa e deixo escapar um suspiro de tão cansada estar.

“Bom, eu fico aqui” paro e Zayn para logo a seguir “obrigada, e até amanhã..”

“De nada, sempre às ordens… até amanhã então.”

------------------------------------------------------------------------------

mais um capitulo

espero que gostemmm

obrigada e até ao próximo !!

Dangerous [ H.S ]Leia esta história GRATUITAMENTE!