Página anterior of 4Próxima página

Como organizar e gerenciar uma empresa - Administração por Sistemas

spinner.gif

Grana - Trabalho TEORIA DOS PROCESSOS - Empresas e empreendedores realizam sua missão através de dois processos: o processo de organização e o processo de produção. LOGICA/SILOGISMO - Todo conjuntro organizado é um sistema, o processo é um conjunto organizado, então o processo é um sistema.

Seguindo os 6 passos, obteremos um conjunto de informações necessárias ao domínio dos processos e ao controle total da empresa:

PROCESSO DE ORGANIZAÇÃO

1. Planejamento: prever através de um orçamento os recursos humanos, materiais e financeiros necessários ao cumprimento da missão.

2. Execução: estabelecer o fluxograma geral do método de produção da mercadoria ou da prestação do serviço.

3. Controle: definir os instrumentos para acompanhamento dos gastos com capital e trabalho e de verificação do produto final.

PROCESSO DE PRODUÇÃO

4. Entradas: prover em tempo hábil os recursos humanos, materiais e financeiros necessários à produção da mercadoria ou da prestação do serviço.

5. Processamento: estabelecer a rotina passo a passo do método de produção da mercadoria ou da prestação do serviço.

6. Saídas: verificar as quantidades e qualidade do produto final de acordo com a missão estabelecida no passo 1 retroativando o processo.

 

Atenção:

O processo de organização corresponde às atividades burocráticas e administrativas da empresa. O processo de produção corresponde às atividades operacionais relacionadas ao produto final. Caso a empresa esteja em funcionamento, basta reunir os dados já disponíveis e complementá-los com aqueles necessários ao conjunto de informações proposto. Caso a empresa esteja sendo idealizada, a oportunidade é unica para operá-la de acordo com critérios fundamentados em conhecimento científico.

Uma abordagem Sistêmica para a ciência da Administração

1 - Sistemas Gerais: A Arquitetura da Natureza

A Administração de Empresas no estágio em que se encontra, não apresenta teorias ou princípios gerais fundamentatos em conhecimento científico, que justifiquem sua inclusão na relação das ciências hoje existentes. A Administração é uma ciência sem objeto definido, portanto todo conhecimento até aqui acumulado é empírico.

A conseqüência imediata deste quadro é a completa ausência de métodos e processos que permitam ao empresário organizar de maneira racional os recursos de que dispõe para alcançar seus objetivos. Os efeitos negativos do problema são as constantes improvisações resultantes da falta de planejamento e controle que originam elevados índices de desperdício de tempo, capital e trabalho. O desperdício gerado onera a produção de forma crônica sem que o empresário tenha condições de interferir com eficiência, pois sua capacitação administrativa e a de seus colaboradores é insuficiente para entender o problema em toda sua extensão. Freqüentemente esses fatos são a causa principal do fracasso de muitos empreendimentos em curto espaço de tempo, em especial pequenos negócios e microempresas.

O que a Administração de Empresas oferece atualmente são técnicas de procedimento, ora com ênfase na divisão do trabalho, ora com ênfase no comportamento humano, que não permitem entender e atuar nos problemas da empresa como um todo, pois seu caráter fragmentário impede a visualização e a abordagem da organização na sua totalidade. A reversão deste quadro e a evolução da Administração no campo das ciências sociais, só serão possíveis através do estabelecimento de princípios gerais que dêem sustentação a um corpo sistematizado de conhecimentos aplicáveis a toda e qualquer atividade humana, inclusive às organizações, para que possamos ampliar o entendimento sobre os fenômenos observados nas empresas aumentando nossa capacidade de controlá-las para cumprir com eficácia a missão a que se propõe.

A Administração é uma disciplina complexa, sua abrangência é infinita, esta presente em todas as atividades racionais dos seres humanos desde a pré-história quando o homem iniciou a produção de utensílios e a estocagem de alimentos até as viagens espaciais, e por ser esta sua origem e natureza a Administração se inter-relaciona com diversas ciências dificultando ainda mais sua compreensão. Entretanto, essa pluralidade aponta na direção dos novos conceitos da Teoria dos Sistemas Gerais que se fundamenta na existência de uma tendência para a integração das várias ciências naturais e sociais.

Página anterior of 4Próxima página

Comentários & Comentários (6)

Login or Facebook Sign in with Twitter


library_icon_grey.png Adicionar share_icon_grey.png Share

Quem lê esta história

Recomendado